Terça-feira, 18 de Dezembro de 2007

As marcas do tempo

Numa pedra sentada,

De mão estendida

Cicatrizes bem marcadas,

Não escondem o que passaste na vida

Com recordações do passado,

Vives agora o presente,

Essa tua simplicidade,

Esse teu sorriso,

Mostram que és diferente,

Pouca gente te dá  valor

Pouca gente vê a tua beleza interior,

Porque tens a marca do tempo

Gravada no teu corpo

Porque és o que muitos foram

E o que muitos temem ser..


publicado por Joana às 12:20
link do post | Escreve o que pensas | favorito

.mais sobre mim

.Abril 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.pesquisar

 

.posts recentes

. Pensamento distante

. Um simples olhar

. Dans une "cage"

. Por onde andas

. É so de ti que eu preciso

. Enganar a razão

. Um dia

. Ofereço-te

. E se...

. A saudade

.posts recentes

. Pensamento distante

. Um simples olhar

. Dans une "cage"

. Por onde andas

. É so de ti que eu preciso

. Enganar a razão

. Um dia

. Ofereço-te

. E se...

. A saudade

SAPO Blogs

.subscrever feeds